sexta-feira, 29 de outubro de 2010

Caio F. Abreu

Reações: 

(...) No fim destes dias encontrar você que me sorri, que me abre os braços, que me abençoa e passa a mão na minha cara marcada, na minha cabeça confusa, que me olha no olho e me permite mergulhar no fundo quente da curva do teu ombro. Mergulho no cheiro que não defino, você me embala dentro dos seus braços e você me beija e você me aperta e você me aquieta repetindo que está tudo bem, tudo, tudo bem.


Caio F. Abreu

Fiim

Reações: 
E às vezes, coisas boas acabam, para que coisas melhores possam começar...

quinta-feira, 14 de outubro de 2010

...

Reações: 
Eu constantemente sinto saudade das coisas que perco, mas não as quero de volta.
Já doeu uma vez...

Menos ...

Reações: 

Às vezes eu acho que eu amo o vácuo. Porque a pessoa que menos me acrescentou, que menos me amou, que menos me fez rir e que eu menos conheci é a que eu amo, ou pelo menos é a que me mata de saudade todo dia...

segunda-feira, 11 de outubro de 2010

Viver um amor é...

Reações: 



- Gaste seu amor. Usufrua-o até o fim. Enfrente os bons e
os maus momentos, passe por tudo que tiver que passar, não se economize.
Sinta todos os sabores que o amor tem, desde o adocicado do início até o
amargo do fim, mas não saia da história na metade. Amores precisam dar a
volta ao redor de si mesmo, fechando o próprio ciclo. Isso é que libera
a gente para ser feliz de novo.

Saudadees...

Reações: 

Quando você me deixou, meu bem Me disse pra ser feliz e passar bem Quis morrer de ciúme, quase enlouqueci Mas depois, como era de costume, obedeci..."
Creio que na verdade minta há mim mesma...
Reações: 

'...é importante demais saber fazer escolhas,
elas determinam se vamos ser felizes ou não...'
Reações: 

"Eu distraio essa realidade com situações ainda que dispersas,adicionando á saudade,uma dose de um bom momento existido.Vou assim entorpecendo minha necessidade.Te penso de todas as formas (extremas),numa timidez que me enclausura,esperando um resquício de sorte que seja. Como um dia,ou dois,terminando novamente,agora teria que ter a qualquer custo,alguma coisa tua.Pois com sobras diversas minhas, num conjunto me agrido,tentando entender a qual teria que ter sido.Precisava só áquela que nos olhos te pusesse um brilho.Mas com todo desejo e uma esperança por dentro,eu reinvento (no pensamento),um momento a sós com você.Pra que nele,cheguem tão mais leve teus dizeres,e pra que eu te veja me ver sem tanta pressa.Um dia pode ser que aconteça..."